Batman Arkham City (PC, PS3, Xbox 360)

Games terça-feira, 01 de novembro de 2011

Eu, como fã de filmes de super heróis e fã de HQs, confesso que quando vi o trailer de anúncio de Batman Arkham Asylum fiquei apaixonado, um jogo que parecia valer a pena, e melhor, contava uma história criada exclusivamente para o jogo, além de ser um jogo de um herói (Até por que infelizmente temos um certo problema com jogos de heróis, né?). Não preciso dizer que quando vi o anúncio de um segundo jogo, chamado Batman Arkham City, quase molhei as calças, um mundo maior, mais vilões, tudo parecia ser perfeito. Aproximadamente dois anos após a estréia do primeiro game, e mais ou menos dois anos após eu terminá-lo, finalmente peguei seu sucessor, e agora estou aqui, contando o que achei, no meu primeiro post aqui no Bacon!

Nota: Batman Arkham City é a continuação direta de Batman Arkham Asylum, então fique ciente que nesse review teremos SPOILERS de toda série. E antes de mais nada, para introduzir Batman Arkham City, preciso contar um pouco do jogo anterior, então prepare-se.

Agora tudo ocorre numa cidade?

Pois é, o primeiro jogo se passou em um asilo, onde todos os caras maus de Gotham estavam, sendo tratados como doentes. Até que você (Batman) consegue prender o Coringa e o levar para lá (Sim, você prende o maior vilão no começo do jogo). Mas é ai que tudo começa, o Coringa começa a aprontar, e você tem que resolver tudo.

No segundo jogo, o prefeito (E antigo diretor do Arkham Asylum) Quincy Sharp resolveu desapropriar a parte mais pobre da cidade (Que era quase desabitada), fechar um muro e jogar todos os vilões lá. Ideia meio louca? E, pra ajudar, quem resolve cuidar de tudo lá dentro? Hugo Strange, um vilão da série que agora é introduzido na história. Mas Batman é contra a idéia, e desconfia de Hugo ajudando Gotham, então resolve investigar entrando em Arkham City. Logo, o jogo se passa nessa parte de Gotham, fazendo que o mapa, visto como um todo, seja 5 vezes maior que todos os mapas do Arkham Asylum. Mas o mais interessante está por vir, não adianta um mapa grande, tem que ter tempo de jogo, e missões secundárias (Que eu já vou entrar em detalhes).

Mundo aberto, missões secundarias, só isso?

Não, isso não é nem metade do que a Rocksteady (Desenvolvedora do jogo) prometeu. Agora teremos novos vilões (Quero deixar claro, novos vilões na série de video game, mas já conhecidos nas HQs, filmes ou desenhos da série Batman): Eles aparecem, nem que seja em uma conversa, pra ganhar um achievement, ou até mesmo uma missão. Agora, como vilões principais não temos apenas o Coringa, mas também Pinguim, Duas Caras, Hugo Strange e outros que não irei citar por agora.

Também temos novos personagens jogáveis, como Mulher Gato (Que é introduzida por um código que vem com o jogo para quem fez a pré-compra), Robin (Que vem por DLC) e Asa Noturna Quem? (Que também vem por DLC).

Mais alguma novidade?

Bom, quem já jogou o Arkham Asylum sabe que o Batman tinha vários “gadgets“, além daqueles que você conquista no jogo, e que você poderia fazer updates neles. No Arkham City, o morcegão começa com todos os gadgets conquistados, mas não pense que para por ai: Você ainda pode conquistar alguns durante o jogo, além de um “modo de upgrade” bem mais complexo, que, além dos gadgets, pode melhorar combos e roupa. Se você gosta de jogar, sendo mais “stealh” ou simplesmente mais Rambo, você pode escolher as melhores atualizações para ajudar no seu tipo de jogo.

A Rockesteady disse que não queria fazer o maior jogo, mas sim o mais detalhado. Como em Arkham City, os próprios vilões começam a brigar entre si, como se fossem gangues. Cada área conquista por tal vilão, fica de um jeito, como, por exemplo, a do Coringa, que fica parecendo um parque de diversões, a do Pinguim, que lembra um Museu, e assim vai.

E a jogabilidade?

Batman Arkham Asylum era referência quando se tratava de gameplay, mas tinha lá seus problemas: O modo de combate (Que era incrivel e você nunca tinha visto nada igual) tinha alguns problemas, era mais “aperta tudo ae rapá” que qualquer coisa, e isso rapidamente ficava enjoativo, já que ele meio que te obrigava a ser stealh de uma maneira repetitiva: Sobe nas estátuas, mata o cara, sobe de novo. Mas agora tudo mudou, a Rocksteady acertou no que mexeu: O novo modo de combate ficou mais difícil e mais tático que antes. Agora, você precisa saber exatamente quando atacar, contra-atacar, desviar e coisas do tipo, além disso, Batman consegue planar (Quase voar), o que ajuda muito na hora de decidir o que fazer contra seus inimigos. Sem contar outros gadgets legais que você vai usar, mas não vou dar esse tipo de spoiler.

 Sim, o Batman plana tão bem que parece estar voando.

E o tempo de jogo?

Você é aquele tipo de gente que compra o jogo só por que ele tem multiplayer, por saber que o jogo terá uma vida útil curta? E o Batman? Como faz? Pois é, Batman promete ter mais de 40 horas de jogatina (Entre missões secundarias e missões principais). Eu particularmente já completei 100% de todo modo história do jogo, e ainda continuo com 43% de tudo liberado, ou seja, falta mais da metade do jogo para “terminar”.

Então o jogo é perfeito?

Não, não é, o jogo não é perfeito e tem seus problemas, poucos, mas tem:

Alguns bugs, como na versão do Xbox 360 (Que eu jogo), e são no máximo uns 5 bugs [Dica do Editor: Nunca é só isso], alguns deles: Eu fiquei preso entre uma parte sólida e um rio, e não conseguia sair de jeito nenhum, tive que sair pro Menu Principal e voltar. Outro na capa do Batman, que ficou tremendo de um jeito estranho por alguns segundos. E outro que fui matar um cara por trás e o Batman parou o golpe no meio.

Mas tenho relatos de outros bugs, inclusive no Playstation 3, aqui vai o testemunho do irmão:

Consigo te citar alguns bugs de cabeça agora: Roupa da Catwoman, atravessar parede, inimigo “imorrivel”, dodge não funcionando, capa do Batman, charadas possíveis de serem pegas com itens básicos mas “bugadas” pra que só sejam pegas mais pra frente e assim vai.”

(Lembrando que eu só joguei a versão do Xbox 360 e não tive tantos problemas.)

Outra coisa que irrita também são as texturas. Como todos sabem, os consoles estão ficando velhos e já começamos a ter problemas com texturas. No Batman é meio que uma constante: Texturas que não carregam, ou que demoram para carregar em todo lugar, não vão te atrapalhar em nada, mas é meio chato de se ver (Lembrando que isso é nas versões de console, no PC você provavelmente não irá ter esse tipo de problema).

Considerações finais

Mesmo com alguns problemas, Batman consegue ser um jogo MUITO BOM, muito bom mesmo, a história pode começar meio confusa, mas se desenvolve de um jeito “mágico”, cheio de revelações inesperadas e coisas do tipo, aliás, enredo digno de filme!

Tudo que o jogo de anterior tinha de ruim foi arrumado, inclusive a dificuldade do jogo foi aumentada pra criar um desafio; os inimigos estão mais inteligentes e tem aparelhos que ajudam na sua detecção ou te atrapalham (Se você quer desafio e muito tempo de jogo, recomendo que coloque no Hard, o jogo fica extremamente difícil desde o começo).

Batman Arkham City saiu para Xbox 360 e PlayStation 3 no dia 18 de outubro, tivemos problemas com a versão nacional quem vem com DLC do Robin de graça, essa versão deve chegar nas lojas em novembro.

Batman Arkham City


Plataformas: PC, PS3, Xbox 360
Plataforma Avaliada: Xbox 360
Lançamento: 2011
Distribuído por: Time Warner/Square Enix
Desenvolvido por: Rocksteady
Gênero: Ação/Aventura

Leia mais em: , , , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

  • Ricardo G. Souza

    é uma merda ter wii =(

  • Demais o jogo, a missão principal eu completei e é demais! agora estou jogando as secundárias

  • Gus K.

    Tô louco pra jogar esse! Uma pena que o meu pc não aguenta Arkham City…
    e o preço do jogo pra ps3 tá bem salgado :(

    Uma observação: Acho que o asylum tá mais pra ‘hospício’ ou ‘manicômio’ do que “asilo” (falso cognato e tal)

  • Amanda

    Arlequina mais vadiona do que nunca!

  • Loney

    Me bate Arlequina =X

busca

confira

quem?

baconfrito