A Maldição do Oscar

Primeira Fila sexta-feira, 16 de novembro de 2007

O que os atores F. Murray Abraham (Amadeus), Louise Fletcher (Um Estranho no Ninho), Rita Moreno (Amor, Sublime Amor) e Brenda Fricker (Meu pé Esquerdo) têm em comum, além de você provavelmente não conhecê-los? São atores que receberam o prêmio máximo do cinema americano, o Oscar, e depois disso simplesmente viram suas carreiras escoarem para o anonimato. Ou seja, foram atingidos pela Maldição do Oscar.

oscarprêmio ou provável maldição?

Eu sei que é uma lenda mas, como toda invenção, é inspirada em fatos reais. Se a mémoria não colabora para exemplificar e tentar entender o que aconteceu com os atores citados acima, fica mais fácil observar, hoje em dia, os recentes vencedores do prêmio, que particularmente, parece atingir com mais afinco as atrizes.

No mês passado com a estréia de Invasores, Nicole Kidman (linda e excelente atriz), viu seu nome apontado como mais uma atriz a ser perseguida pela Maldição. Desde seu Oscar pelo drama As Horas, Kidman rodou nada mais, nada menos que 8 filmes (sem contar a estréia no mês que vem de A Bússola Dourada), sendo que nenhum foi um sucesso de bilheteria e seu melhor projeto para mim foi o suspense A Intérprete, os demais foram Cold Mountain (onde foi ofuscada pelo Oscar de Renne Zellweger), Revelãções (chato…), Mulheres Perfeitas (sem graça), Reencarnação (chatíssimo), A Feiticeira (engraçadinho mas ordinário) e A Pele (bizarro). Daqui a pouco, Kidman vai receber somente a alcunha de ex-mulher de Tom Crusie.

nicoleNova vítima da Maldição

Outro exemplo recente fácil de citar é Halle Berry, ganhadora merecidamente pelo difícil papel em A Última Ceia, Berry viu seu nome ser estampado com sucesso somente na cinessérie X-Men, quando protagonizou seus projetos os filmes foram fracassos memoráveis como em Na Companhia do Medo (que dia destes estava passando em três canais da tevê a cabo ao mesmo tempo e, pior, o filme é ruim), Mulher-Gato (fundo do poço hehehe, rendeu o prêmio Framboesa de Oura para a atriz), A Estranha Perfeita (suspense chinelo com Bruce Willis) e As Coisas que perdemos Pelo Caminho (inédito no Brasil mas, nos Eua passou em branco, drama em que atua com outro vencedor do Oscar, Benicio Del Toro – poderia citá-lo por aqui também).

Nos casos acima, como os prêmios são recentes, pode-se imaginar que as atrizes fizeram os papéis pelos cachês que deviam estar em alta logo após a premiação. Mas no caso de Marisa Tomei que acabou virando piada em Hollywood.

marisaUm dos casos mais curiosos da Maldição

Além das previsões sobre os premiados, os especialistas sempre se perguntam: quem será a Marisa Tomei da vez? A atriz americana, de 41 anos, ganhou o Oscar de atriz coadjuvante por Meu Primo Vinnie (1992) em uma disputa difícil contra estrelas como Miranda Richardson, Vanessa Redgrave e Judy Davis. Apesar de Marisa Tomei ter protagonizado vários filmes depois do prêmio e, inclusive, ter sido indicada em 2002 na mesma categoria por Entre Quatro Paredes, sua carreira não tomou o rumo esperado. Tomei teve, inclusive, que suportar a piada maliciosa que circula em Hollywood de que ganhou o Oscar porque o apresentador Jack Palance (já bastante velho) não conseguiu ler “Vanessa Redgrave” no envelope e repetiu o último nome da lista de indicadas.

Mas nem só de atrizes que se faz esta Maldição, entre os atores isto também acontece, querem um exemplo de ator, ainda conhecido, mas que vive de projetos infelizes: Cuba Gooding Jr.. Após seu Oscar, por Jerry Maguire, Cuba se envolveu em projetos com nomes conhecidos como Melhor é Impossível (com Jack Nicholson), Amor além da Vida (com Robin Wiliiams) e Instinto (com Anthony Hopkins) depois disso foram filmes de segunda ou pior categoria, Na Sombra do Crime (nem eu lembro), Neve pra Cachorro (onde quem recebe mais destaque são os cães husky siberianos), Cruzeiro das Loucas (comédia idiota), Resistindo as Tentações (comédia religiosa com Beyonce), Meu nome é Radio (drama edificante para ele tentar ganhar um Oscar novamente, não deu), Fim de Jogo (hein?) e Norbit (onde serve de coadjuvante para Eddie Murphy, coitado!).

cubaversão de calças de Marisa Tomei

Claro que são muitos os fatores que podem levar estes atores a verem suas carreiras naufragando em Hollywood, pode ser desde os produtores não quererem contratá-los porque terão que pagar salários milionários pois estes recém receberam a estatueta ou mesmo que continuem trabalhando, simplesmente, intepretam papeís ruins e filmes idem.

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

  • Ela é… quente (heh)

    A versão de calças é bem parecida com ela, inclusive.

  • Eu

    xD é verdade isso

  • bel

    isso é uma MERDA. antigamente, filme com a nicole kidman era só coisa boa. depois que eu vi aquele “reencarnação” nunca mais peguei filme com ela, cara.
    marisa tomei só se salvou (um tempo) pelo entre quatro paredes, onde ela tá ótima. halle berry se queimou TOTALMENTE com mulher gato.
    “homens de honra” com o cuba gooding jr. foi antes do oscar? esse filme com ele eu gostei muito…

    e é horrível ver talentos assim sendo jogados na privada :/

  • Aline

    Pra mim isso não tem nada a ver com maldição do oscar, são os atores que escolhem roteiros horríveis.
    Não faz sentido que depois do Oscar eles tenham que recebem salários milionários.
    Quem escolhe os filmes que vai fazer são atores, se não quer afundar sua carreira, escolha um filme bom é simples. Acho que tbm eles escolhem um papel para ganhar bastante dinheiro , e nem sempre podem escolher tanto assim.
    Ás vezes os cifrões falam mais alto que a carreira.

busca

confira

quem?

baconfrito