Viagem ao Centro da Terra (Júlio Verne)

Livros sábado, 24 de julho de 2010

Seguinte, se você nunca ouviu falar de Júlio Verne e/ou Viagem ao Centro da Terra, tu é um Bosta. Com MAIÚSCULA mesmo.

O livro é contada por Axel, sobrinho de Otto Lindenbrock, um geólogo. Geólogo é aquele cara que era deixado de lado na infância por gostar mais de pedras do que de colar chiclete no cabelo dos outros. Ambos moram na Alemanha, na casa do professor Lindenbrock, junto de Maria (Só para variar um pouco) e de Grauben, filha do professor. Claro, Axel dá os pega nela.

Tudo começa quando o professor acha um texto de Arne Saknussemm, um antigo sábio islandês (Da Islândia, país onde fica o vulcão Eyjafjallajokull, caso você não saiba), falando de sua viagem até o centro da Terra.

Claro que um geólogo não ia deixar passar tal oportunidade de adquirir fama e dinheiro e logo parte para a Islândia, arrastando Axel com ele, só para deixar Grauben na seca. Já na Islândia, Lindenbrock e Axel arrastam Hans, um caçadar local, para dentro do Sneffels, um vulcão na qual a passagem para o centro da Terra está localizada. E lá essa turma da pesada vai encarar um monte de confusões na Sessão da Tarde em cerca de 200 páginas.

Só para ser chato, o final do livro (Não tem spoiler….acho) é um tanto quanto abrupto. Tudo é resolvido em cerca de 30 páginas, o que quebra um pouco o rítmo da narrativa e é meio frustrante até. Mas nada que estrague o livro. Na verdade, tal final provavelmente se deve a algum editor fresco que queria o livro pronto… Maldito.

Júlio Verne é francês (Não deixem isso enganá-los…), sendo considera “o pai da ficção científica”, já escreveu vários sucessos, entre eles Vinte Mil Léguas Submarinas e A Volta ao Mundo em Oitenta Dias. Isso sem falar que meu texto de admissão aqui no Bacon foi sobre ele, então, ajuelhe-se perante Zod Verne!

Viagem ao Centro da Terra


Voyage au centre de la Terre
Ano de Edição: 2009
Autor: Jules Verne
Número de Páginas: 214
Editora: Martin Claret

Leia mais em: , , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

busca

confira

quem?

baconfrito