O Fantástico Sr. Raposo (Fantastic Mr. Fox)

Cinema quinta-feira, 03 de dezembro de 2009

 O sr. Raposo (George Clooney) e a Dona Raposa (Meryl Streep) levam uma vida idílica com seu filho Ash (Jason Schwartzman) e o jovem sobrinho que se hospeda na casa deles, Kristofferson (Eric Anderson). Mas, após 12 anos de uma vida doméstica tranquila, a existência bucólica se torna um fardo para os instintos selvagens do sr. Raposo. Logo ele retoma os antigos hábitos de ladrão de galinhas, e não apenas coloca em risco a segurança de sua família como também ameaça toda a comunidade animal. Presos debaixo da terra sem comida suficiente para sobreviver, os animais se unem para lutar contra os malvados fazendeiros – Boque, Bunco e Bino –, que estão determinados a capturar o audacioso e fantástico sr. Raposo. No final das contas, ele usa seus instintos animais para salvar a família e os amigos.

Pega uma história infantil, acrescenta uma porrada de coisas que não tinha [Pra ficar mais interessante, cinematograficamente falando] e anima tudo isso em stop-motion. Tá, acho que isso já deve ter sido feito trocentas vezes, mas o resultado de O Fantástico Sr. Raposo me agradou profundamente. Talvez porque, mesmo sendo baseado em um livro infantil, a história não seja tão infantil assim.

 Tudo bem que é um pouco nonsense, mas cê queria o que numa história sobre raposas que usam terno?

Sr. Raposo era um hábil ladrão de galinhas, até que, um dia, foi capturado por uma armadilha [De maneira meio ridícula, até]. Já seria o bastante, mas além disso, a Sra. Raposo estava lá e também foi capturada. E, pra completar, é nessa hora que ela resolve dizer que está grávida. Por que? Pra fazer o Sr. Raposo prometer que, se eles escapassem, ele não mais roubaria. Bem coisa de mulher tentando botar juízo na cabeça do marido sem jeito. Mas funcionou até que bem, por doze anos-raposa.

 Doze anos e um segredo.

Sr. Raposo, então, arrumou um emprego decente, comprou uma casa, criou seu filho, Ash, tudo na companhia da esposa, tranquilamente. Até que ele resolveu dar um último grande golpe [Como sempre]. E, nessa mesma época, seu sobrinho, Kristofferson, vem passar uns tempos com os tios. E seu grande golpe, que era só roubar pela última vez frangos de Boque, gansos de Bunco e sidra de maçã de Bino, acaba atraindo [Mais uma vez] a ira dos fazendeiros pra cima do Sr. Raposo, e consequentemente de todo o resto dos animais do bosque.

 Fodeu, negada!

Com animação propositalmente forçada e uma história com toques de humor absurdamente sensacionais, eu diria que esse não é um filme pra crianças, mesmo porque elas podem não entender toda a grandiosidade da obra. Afinal, o que os pirralhos entendem sobre aceitar a natureza humana [Ou no caso, animal] de si próprio?

O Fantástico Sr. Raposo

Fantastic Mr. Fox (87 minutos – Animação)
Lançamento: EUA, Reino Unido, 2009
Direção: Wes Anderson
Roteiro: Wes Anderson e Noah Baumbach, baseados em livro de Roald Dahl
Elenco: Bill Murray, George Clooney, Meryl Streep, Adrien Brody, Owen Wilson, Willem Dafoe, Jason Schwartzman, Brian Cox, Wes Anderson, Michael Gambon

Leia mais em: , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

  • debs

    pena que nunca vai passar aqui no fim do mundo -.-

  • Pizurk

    @debs
    Cê mora no Acre?

busca

confira

quem?

baconfrito