A história de Jesus

HQs quarta-feira, 17 de agosto de 2011

Hoje é um dia especial caros leitores. Eu sei, vocês devem estar se perguntando “Mas por que é um dia especial, amigo Ricardo?”, não se preocupem, eu respondo essa: Hoje é um dia especial pois vocês irão conhecer a história de Jesus. “Ai maluco, eu já conheço a história de Jesus”, é claro que você conhece, mas você não conhece a história de Jesus adaptada para quadrinhos, com desenhos do Jim Lee e um roteiro muito bem escrito por mim. Compartilharei com vocês a minha obra prima, uma história com amor, explosões, sangue, lutas, traições, orgias e clichês. Jesus merece uma história dessas, afinal, ele é uma grande cara e bate um bolão, só não veio hoje porque ta pregadão. E ai, preparados para receber Jesus?

 Não quer receber Jesus? SHORYUKEN!!!

Como dito acima, essa história foi escrita por mim, tendo como referencias o universo Marvel e DC e algumas drogas que não recomendo usarem. Então sem mais enrolação, vamos a história de Jesus nos quadrinhos:

 Edição #1 – Capa Dura – A venda nas melhores lojas

Tudo começou há muito tempo atrás na ilha do sol com um foguete caindo num estábulo. Quem estava no foguete? Jesus. É galera, Jesus chegou de foguete na Terra. Acredite, chegar de foguete é mais legal que nascer de uma virgem, e a história tem que pensar no lado comercial, eu quero vender e ficar rico né. Então Jesus chegou de foguete, ele tinha uns 6 meses de idade e foi encontrado por Maria e José. O casal humilde e pobre decidiu cuidar do menino, e não notaram que no foguete tinha uma placa escrito Made in China Jesus é o Salvador. O foguete explodiu minutos depois. Fim da edição 1.

Começamos a edição 2. Jesus já está com 8 anos, é um menino educado e humilde. Aprendeu com o seu pai sobre carpintaria e com sua mãe não aprendeu nada, ela não tinha nada a oferecer para história. É importante citar que nessa época a região onde Jesus morava estava passando por conflitos. O Imperador era mau e estava escravizando o povo, todos estavam aterrorizados e sem esperança. Mesmo com essa clima de ódio e terror, Jesus e sua família foram ver uma peça teatral no centro da cidade. Uma bela peça, diga-se de passagem, mas o fim foi trágico. Na volta para casa, ao passar por um beco, a família foi cercada por soldados do Imperador, eles mataram os pais de Jesus e o deixaram sozinho no beco escuro. Jesus chorava sozinho no escuro. Close nos olhos deles. Ele queria vingança. Fim da edição 2.

Jesus foi morar com seus tios, onde conheceu seu primo João. João era malandrão e folgado, gostava de afogar as criancinhas no rio perto da sua casa. Sua tia Isabel era um doce de pessoa, mas seu tio batia nos filhos e as vezes batia em Jesus. Até ai não tem nada de importante, Jesus estava de luto e não interagia mais com as pessoas. Porém, em um dia de sol, João engana Jesus e o leva para o rio. João tenta afogar Jesus, que no desespero do ato se debate e, para surpresa de todos, aprende a voar (Afinal, herói que não voa não é herói). Jesus voa em direção o deserto. A edição termina com Jesus distante e o povo pensando: “é um pássaro? É um avião?”

Passamos para a edição 4. Essa é a edição onde tudo se explica, onde tudo ganha um novo rumo, é a edição que todos considerarão a melhor. Jesus está sozinho no deserto, sem água, sem comida, sem nada. No horizonte ele avista um velho senhor segurando um cajado. É Moisés. Moisés é um velho sábio que vive no deserto, não preciso explicar que ele vai ser o mentor de Jesus, né? Moisés explica que Jesus é especial e não pertence a esse mundo, também diz que só Jesus pode salvar o seu povo do terrível Imperador e conta algum tipo de lenda sobre “o escolhido”. Jesus passa vários anos no deserto treinando com Moisés. Lá ele domina a técnica de voo, descobre que tem um pequeno fator de cura e outras pequenos poderes. Moisés morre. Jesus decide voltar para o seu povo. Fim da edição 4.

Jesus volta para a sua cidade. Está um caos, ninguém lembra dele. Logo na chegada, ele derrota alguns guardas que estavam atacando uma senhora idosa. Todos o idolatram, Jesus virou a esperança do povo. Jesus volta para a sua casa e decide recrutar 12 pessoas para formar um grupo de ataque contra o Imperador. Enquanto isso, o Imperador toma conhecimento de Jesus e decide investigar a história. O Imperador descobre a história de Jesus e também encontra o foguete destruído que o trouxe até a Terra. Por causa da explosão, o Imperador confunde a placa “Jesus é o Salvador” com “Jesus é de Salvador”, logo após isso ele manda matar todos os baianos da região.

Jesus caminha pela cidade atrás de heróis, não os encontra. Em uma de suas caminhadas Jesus avista soldados batendo em uma mulher chamada Madalena. Jesus mata todos os guardas e a salva. Ela agradece. Os dois transam loucamente como se não houvesse amanhã. Jesus está apaixonado. Madalena está apaixonada. Uma linda história de amor surge. Madalena informa Jesus que há um grupo de resistência que luta contra o Imperador e que Jesus deveria se juntar a eles. Jesus se junta ao grupo e monta um plano de ataque. Fim da edição 5.

A edição começa com Jesus e sua gangue invadindo o castelo do Imperador. É muito sangue. O grupo de Jesus é diversificado, tem o arqueiro, o anão, o guerreiro, o bárbaro, o mago e etc. Eles batalham violentamente contra os soldados. Jesus encontra o Imperador e dá-se inicio a batalha final. O Imperador é forte e ágil. A batalha está equilibrada, mas um aliado de Jesus o traí e o golpeia pelas costas (Não diz quem foi, pra ter um ar de mistério). Jesus é derrotado. Madalena foge da cidade, pois ela está grávida de Jesus. O Imperador crucifica Jesus, e em seu último suspiro ele diz: “Eu voltarei.”. O Imperador agora está livre para estuprar toda a região e fazer o que bem entender, o povo entra em desespero por causa disso, o seu campeão morreu. A revista termina com um mistério: O corpo de Jesus sumiu da cruz. Onde ele foi parar?

Bom, assim termina o primeiro volume da história de Jesus. Em breve teremos o segundo volume onde irá revelar o que aconteceu com o corpo de Jesus, quem traiu ele e quando e como Jesus voltará. Fiquem atentos nesse canal.

PS: Essa obra é uma ficção adaptada da Bíblia, todos os fatos e acontecimentos foram apenas adaptados para os quadrinhos, nada foi inventado, tudo aconteceu de verdade.

Leia mais em: ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

busca

confira

quem?

baconfrito