O ego e a alma

HQs segunda-feira, 15 de outubro de 2018

O simbionte que viria a ser o Venom surgiu como o uniforme negro do Homem Aranha em 1984 durante as Guerras Secretas, um mega crossover pra vender bonequinho, e foi idealizado por um fã, que vendeu a ideia do uniforme negro pela bagatela de 220 dólares. Após ser rejeitado por Peter Parker ao descobrir que a roupinha nova na verdade era uma criatura alienígena maligna, o simbionte ficou mais rancoroso que crocodilo no esgoto e fundiu-se a Eddie Brock, outra recalcada que teve sua carreira como jornalista destruída pelo Homem Aranha e assim, sob a guarda de Todd McFarlane, tivemos o surgimento do Venom brucutu e nojento, que deveria ser um dos maiores vilões do Cabeça de Teia, mas que na verdade só serviu pra “inspirar” a criação do Spawn e algo muito pior, a Image Comics. E é aí que eu quero chegar.

Olha a merda que eu fiz!

Todd McFarlane, junto de Jim Lee, Aquele que não devemos nomear e mais um bando de mimados, cansados da Marvel e da DC não deixarem eles cagarem seus personagens à vontade, fundaram em 1992 a Image Comics e plagiaram mal e porcamente diversos personagens da Marvel e da DC, criando as piores fan fics da história.

Tá, eu sei que a Image teve uma grande importância ao incentivar artistas a investirem em seus trabalhos autorais de forma independente e mostrou que a Marvel e a DC não tavam com essa bola toda. Principalmente na década de 90, onde tivemos Batman Azrael, Heróis Renascem, Superman Elétrico, mas o que é vendido como uma revolução contra a grande indústria dos quadrinhos nada mais foi do que a reunião de egos super inflados dos “maiores astros dos quadrinhos de todos os tempos” que achavam que sem eles a Marvel e a DC estariam fodidas, o que se provou errado, obviamente.

Porém, no meio de todos esses cuzões, que inclusive voltaram correndo pra Marvel e pra DC na primeira oportunidade, eu preciso destacar e elogiar alguém com uma criação própria e com vontade de contar uma história de verdade e que estava ali de ingênuo, acreditando que todos aqueles ególatras estavam realmente querendo abrir espaço para produções autorais, quando na verdade eles só queriam provar que a rola deles eram maiores que a de seus pais.

Erik Larsen é um dos fundadores da Image Comics e tem seu personagem, Savage Dragon, desde a época da escola. É óbvio que o personagem não continuou o mesmo durante todo esse tempo e já chegou a ser uma cópia do Hulk e até mesmo do Shazam, antes de se tornar o alienígena policial que conhecemos. Savage Dragon é um dos títulos mais longos da Image Comics ao lado de Spawn. Sendo lançada mensalmente por 26 anos ininterruptos e sendo desenhada e escrita exclusivamente por seu criador.

E foi pela alma e pela persistência de Erik Larsen com Savage Dragon, que quase uma década depois a Image finalmente se tornou o que deveria ter sido desde o começo: Um berço para antigos e novos artistas trabalharem suas histórias originais. Então, por mais que eu não respeite os fundadores da Image Comics, eu preciso ser grato por eles terem sido responsáveis por algo que, mesmo por egoísmo e pirraça, tornou-se o lar de grandes novos clássicos como Saga, Huck, I Kill Giants, The Walking Dead e várias outras maravilhas que tornaram a Image Comics a terceira maior editora de quadrinhos do mundo.

Leia mais em: , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

busca

confira

quem?

baconfrito