Amor à biba

Televisão terça-feira, 06 de agosto de 2013

Então, era pra rolar outro trocadilho no título, mas cês são sensíveis de mais pra receber um palavrão na cara assim. Por isso eu [Assim como o Félix] resolvi disfarçar. Sim, é mais um texto sobre novelinha. Dessa vez sobre a ira de Antônio Fagundes contra Matheus Solano.

Pois bem, nesta última quinta feira [02/08/2013] Bárbara Paz resolveu jogar a merda no ventilador e em meio ao jantar da família insana de Antônio Fagundes, revelou que Félix, a bicha má e gananciosa é realmente uma bichona louca. Com direito a jogar fotos de Félix e seu “Anjinho” na cara de Fagundão, que ficou puto pra caralho, mas não infartou, o que levanta uma questão: Se quando Fagundão descobriu que a filha estava grávida ele resolveu causar e infartar na frente dos amigos, porque diabos o fato de descobrir que o filho é uma bibinha saltitante não fez o velho Fagundão ter 3 infartos seguidos e botar o próprio coração pra fora do peito pelo cu? Estranho, não?

 Melhor vilão desde Nazaré Tedesco e Carmem Lúcia.

O que aconteceu foi o seguinte: Félix, que sempre foi filho da puta com todo mundo, foi muito bem aceito por boa parte da sua família, inclusive por sua vovó, que se mostrou uma velha moderna que jogava buraco com um casal gay e ainda se propôs a apresentar o neto ao mundo GLBT [Só eu lembro de Dragon Ball sempre que vejo essa sigla?]. Enfim, pela primeira vez na vida, Bichona Solano se sentiu livre como uma mariposa a espalhar sua purpurina a luz de uma lua de prata e se reconciliou com a irmã, a mãe, a avó e até o filho. Frankenstein, vulgo Bárbara Paz, resolveu sair de casa causando e ficou chamando Felicha de bicha, bichinha, bichona e bicha louca, entre outros apelidos mais. Por fim, após muitas conversas e piadas com sua irmãzinha, Tetéia Oliveira, Matheus Solano vai conversar com o papai. Grande erro, meu jovem.

Fagundão, que tem o escritório todo trabalhado no couro que arrancou de outros parentes gays, já manda logo de cara pra Matheus Solânus: Não me chame de pai. Além de dizer que não tem preconceito. Não tem, porra. O cara não tem preconceito, mas ter um filho gay já é demais. Palavras dele, não minhas. Fagundão também aproveita pra fazer a pergunta que todo filho da puta que conhece um gay tem vontade de fazer: Você é o homem ou a mulher da relação? É, teve essa situação escrota. Digo escrota porque deve ser constrangedor, tipo perguntar pra mãe se ela já deu o cu. E pra terminar, Fagundão diz que sempre foi homem pá caralho, que sempre deixou as mulheres loucas e que ter um filho bibóca não pega bem pra ninguém. É, Fagundão é tão macho que caga pelo pau pra não ter nada passando pelo cu.

 Pra vocês não encherem meu saco.

O ponto é: Esse foi um jeito legal e novo de mostrar o preconceito que os “não preconceituosos” tem. Aqueles que dizem: “Eu não tenho preconceito contra gays, desde que não seja meu parente” ou “Não sou preconceituoso, desde que não deem em cima de mim”, como se você dizer não fizesse o gay te estuprar. É, eu tô ligado que gente feia já te deu mole e você soube muito bem dizer não, então não mete essa rapaz. Mas o que pega é que daqui a pouco os “4:20, BBB te deixa burro, Alienação, MIMIMI” vão começar a falar que a Globo tá querendo fazer a cabeça dos telespectadores para que eles não aceitem os filhos gays. Sendo que Fagundão está mais do que sendo mostrado como O filho da puta na novela, justificando até a filha da putice de Félix. Mas cês sabem como vocês são chatos pra caralho e adoram não entender as coisas. Igual as Chacretes. Enfim, Félix é definitivamente o personagem mais foda de todos os tempos do Universo das novelas desde Heleninha Roitman.

Leia mais em: , , , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

busca

confira

quem?

baconfrito