Alguém entendeu a A Árvore da Vida?

Cinema quarta-feira, 07 de março de 2012

Conversando com um amigo no Facebook, eu disse que A Árvore da Vida não fazia o menor sentido e não tinha moral alguma, não que eu espere tirar alguma moral de todos os filmes, mas filmes desse naipe costumam querer dizer alguma coisa. Então, esse amigo já citado me disse: “Filmes precisam de moral? Só me entreter já tá bom.” O problema é que nem um bom entretenimento A Árvore da Vida é e eu vou dizer porque vocês devem manter distância desse filme:

É claro que eu não espero tirar nada de Os Mercenários, Duro de Matar, Velozes e Furiosos e outros do mesmo tipo. Esses filmes servem apenas para entreter, é indiferente se possuem alguma trama ou não, o que conta mesmo é a ação em geral, mas o que pega é o seguinte: Filmes de drama em sua maioria tem que ter pelo menos uma trama que faça sentido, e é exatamente o que não acontece em A Árvore da Vida. O que temos ali são um monte de imagens fodas do universo, vulcões, dinossauros (Sim, até para os dinossauros eles apelaram) e outras coisas, mas eu te pergunto: Que porra de diferença isso faz pra trama do filme que é sobre um moleque que não gosta do pai?

Na minha opinião, A Árvore da Vida foi um filme feito para ganhar Oscar, nem o diretor do filme sabia o que estava fazendo, ele apenas jogou um monte de imagens sem sentido em uma trama chata que todos já estão cansados de ver e pensou: HAHAHA, isso vai render uma caralhada de prêmios! E tanto foi ruim que eles não levaram sequer um Oscar. Aliás, muito merecido não ter levado nada.

Não tem sentido, não tem moral e se você disser que entendeu você não passa de um daqueles nerds/pseudo-cults chatos que criam explicações para coisas que não fazem sentido (Tipo o final de Lost) e se acha espertão por acreditar que é o único que entendeu a bagaça. Mas quer saber de uma coisa? Você não entendeu, você não é foda e A Árvore da Vida não faz sentido algum. As imagens não tem a ver com a trama e o filme se resume nisso: Pai briga com moleque – um monte de imagens fodas de coisas aleatórias – filho briga com o pai – mais um monte de imagens aleatórias e assim vai, até aparecerem os créditos finais e você dar graças a deus pelo filme ter terminado. Acredite, se você não é o Zé Wilker, você não gostará do filme e não o entenderá, por isso… Mantenham distância d’A Árvore da Vida.

Leia mais em: ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

busca

confira

quem?

baconfrito