Cala a boca e vai ler Hellblazer

HQs quarta-feira, 10 de julho de 2013 – 6 comentários

Eu não sei o que se passa na cabeça das pessoas, mas pela quantidade de gente que eu vejo elogiando o retorno de Constantine para o Universo DC, só pode ser bosta. Sério, Constantine convivendo com pessoas de colante e capas? Por sorte isso foi feito em uma época que pelo menos as cuecas por cima das calças foram abolidas, mas pra compensar, colocaram John Constantine como líder de uma Liga da Justiça. Volta Nergal e bota ordem nessa joça.

 Por favor Deus, Universo DC não!

continue lendo »

Hellblazer de graça!

HQs quarta-feira, 27 de julho de 2011 – 3 comentários

É isso mesmo. O book #1 da HQ Hellblazer, que conta a história do fantástico John Constantine, está disponível gratuitamente no site da DC Comics. Não é nenhuma novidade, mas para quem ainda não teve a chance de conferir, fica aqui o link para o site. Grande coisa, né? Grande coisa MESMO, seu tanga! Afinal, encontrar raridades de Hellblazer (Como essa) para vender é muito difícil e quando se acha, os preços não são nada convidativos. Para conferir esse primeiro volume é necessário manjar de inglês, mas mesmo que você não entenda vale clicar para conhecer os quadrinhos que deram origem ao filme (O qual já resenhei nesse texto). Enfim, dica rápida para quem quer conhecer o mundo imoral de Hellblazer sem ter que fazer muita força.

Top 3 Autores – Alan Moore – John Constantine

Nona Arte quarta-feira, 22 de dezembro de 2010 – 1 comentário

Ao ler John Constantine, você provavelmente se lembrou daquele filme baseado no arco Hábitos Perigosos, assombrado por tensão sexual, com um Constantine apático, baseado em Los Angeles, moreno e representado pelo Escolhido-Sem-Expressões-Faciais, Keanu Reeves. Por favor, não faça isso; Alan Moore faz uma prece a Glycon pela destruição da humanidade toda vez que alguém menciona esse filme. continue lendo »

Quadrinhos e Séries

Nona Arte quarta-feira, 13 de outubro de 2010 – 5 comentários

Ê, feriadão. Aposto que uma boa parte de vocês, assim como eu, tirou esses últimos dias para dar uma bela descansada. Particularmente, tirei o final de semana e o feriado para reassistir algumas séries e filmes que não via há algum tempo. Sexta à noite, assisti Clube da Luta, Quero Ser John Malkovich, Matrix e três dos seis episódios da série televisiva Lugar Nenhum, base para a HQ homônima de Neil Gaiman. Sábado e domingo, maratona Matt Groening: As 5 primeiras temporadas e os filmes de Futurama, e um ou outro episódio d’Os Simpsons quando me cansava da cara de Fry.

Deliciando-me com meu miojo com nuggets no almoço de domingo, enquanto olhava para minha Vertigo #10, preocupado com a perpectiva de, depois de quase três anos, finalmente debizar uma coluna por falta de criatividade. Mas, para infelicidade geral da nação, me ocorreu uma idéia: Quais séries televisivas, animadas ou não, dariam boas HQs? continue lendo »

Preparem seus bolsos

Nona Arte quarta-feira, 06 de janeiro de 2010 – 2 comentários

Qualquer um de vocês que já tenha lido, digamos, três colunas minhas deve ter percebido que, se tratando de HQs, eu sou um fanático pela DC, com uma predileção especial pelo selo adulto, o famoso Vertigo. Também tenho um certo apreço pela Marvel, mas a editora do Bátima detem minha predileção. continue lendo »

Referência

Nona Arte quarta-feira, 08 de abril de 2009 – 4 comentários

É sábado de tarde. Você, amado leitor, está no meio de duas decisões de grande importância: se chatear assistindo o programa do Luciano Huck ou mergulhar de cabeça no tédio quase tangível que está o fim de semana. Você não tem grana para preencher sua face de etanol, ir pra uma churrascaria rodízio/festa ou praticar tiro ao alvo em vegetarianos bebês. Todo o dinheiro que você tem, incluindo as moedas perdidas no sofá, dá exatamente o preço de uma entrada de cinema. Então, com a esperança à sua frente, você vai ao cinema e vê que, sei lá, [Filme de cavaleiros genérico/aleatório] está em cartaz. Você compra a entrada, entra na sala de projeção e assiste o filme. Mais na frente, no entanto, durante uma cena de luta, você vê que no desenrolar da ação aparece no fundo da imagem, por alguns poucos segundos, uma mão saindo da água com uma espada, e um jovem cavaleiro recebendo-a. É nessa hora que seu cérebro explode e o pensamento voa: RÁÁÁÁÁÁ!PEGADINHA DO MALANDRO! Isso foi uma referência à história do Rei Arthur! Meia hora depois, aparece um cavaleiro, e, diante de uma proposta que ofende seu código de honra, ele solta um Ni! E a torcida vai à loucura com a referência a Monty Python e o Cálice Sagrado!
continue lendo »

busca

confira

Trutas
  • Ahnão
  • Bobolhando
  • Corvo
  • Di Vasca
  • Estranho Sem Nome
  • Facada no Fígado
  • Fail Wars
  • Gamer Sith
  • Lógica Feminina
  • Manolagem
  • MauoÊ
  • O Macho Alpha
  • Petit Cookie
  • Que Diabos?
  • Sake Com Sal
  • Uarevaa

quem?

baconfrito