Meu problema com o universo expandido de Star Wars

Cinema terça-feira, 17 de Janeiro de 2017

Star Wars foi o primeiro filme que me deixou completamente fascinado por ele. E o mais incrível disso tudo é que eu só descobri Star Wars graças a uma revista da Turma da Mônica onde, numa história do Astronauta, vários personagens sci-fi apareciam. E entre eles estava um jovem loiro correndo com uma espada de luz junto a dois robôs e um macaco. Por sorte minha mãe era fã de ficção científica, dessas que se drogava na juventude e que inclusive tem uma história de abdução junto a uma ex-amiga. Pois é, o ser humano aguenta ser abduzido por causa da amiga, mas perder 100 pilas é um problema da porra. Enfim, minha mãe me contou quem eram os personagens e me deixou mais ou menos por dentro da história, o que me deixou ainda mais ansioso pra assistir logo os filmes, então no dia seguinte fui até a locadora, aluguei os três vídeos de uma vez e minha vida nunca mais foi a mesma.

Pois é, eu assisti a trilogia clássica em VHS, sem remasterização e Hayden Christensen. Isso obviamente não me torna mais fã do que quem conheceu Star Wars em DVD ou até mesmo quem conheceu Star Wars pelas prequels, mas que morte horrível pra você, meu amigo. Mas na verdade acho até que quem conheceu Star Wars e tornou-se fã pelas prequels é que é fã de verdade, porque olha, não é fácil gostar daquilo.

Mas o que eu quero dizer aqui é o seguinte, obviamente todos sabemos que espremer grandes franquias até a última gota cair é o intuito de qualquer estúdio de Hollywood. Tudo bem com isso, quer dizer, mais ou menos tudo bem com isso. Por mais que as prequels, assim como Rogue One e o filme solo do jovem Han Solo que vem por aí, sejam desnecessários, o que eu quero mesmo é ver mais histórias dentro daquele universo que eu tanto gosto. Mas será que não tem nada melhor pra vocês me contarem além do que eu já sabia?

A trilogia clássica já me disse que Darth Vader era Anakin Skywalker, que era um ótimo piloto e Jedi que lutou nas Guerras Clônicas, eu não precisava de três filmes pra me contar isso. Eu não precisava ver a criança Anakin e nem o Anakin apaixonado… Aliás, acho que a única coisa válida das prequels são as Guerras Clônicas, que são exploradas melhor na animação. E assim com eu não precisava ver nada do passado do Anakin, eu também não preciso ver como os rebeldes roubaram os planos da estrela da morte. Não é que eu não QUERO ver, não me entendam errado, mas essa é uma informação que eu também já tenho desde Uma Nova Esperança, eu PRECISO realmente ver isso?

E pior do que me mostrar algo que eu não preciso ver, é me mostrar algo que eu não preciso e não quero ver. Como é o caso do rumo que Rebels tá tomando. Eu já tinha torcido o nariz pra animação quando eles insistiram em enfiar Jedis em algo onde Jadis não eram necessários e nem deveriam estar, mas resolvi dar uma segunda chance pra animação e me surpreendi com a segunda temporada, que tem referências até mesmo ao Despertar da Força. Mas agora Rebels quer mexer em dois personagens que precisam ficar quietos nesses 19 anos entre A Vingança dos Sith e uma Nova Esperança.

Eu sei que seria da hora ver Obi Wan bancando o anjo da guarda do jovem Luke Skywalker em Tatooine, mas cês entendem o quão perigoso é isso? O simples fato de Obi Wan usar a força em qualquer momento nesses 19 anos sem ser notado por Darth Vader ou Darth Sidious simplesmente transforma os dois imponentes vilões em dois patetas descuidados que não sabiam de porra nenhuma.

Obi Wan só sobreviveu até o episódio IV porque manteve-se em sigilo absoluto e quando revelou-se morreu porque Darth Vader jamais deixaria que seu principal inimigo escapasse com vida. E sim, eu sei que isso não é exclusividade de Rebels, os novos quadrinhos de Star Wars também estão contando histórias de Obi Wan usando o sabre de luz durante esse tempo em Tatooine, o que é um puta dum absurdo sem sentido.

Enfim, esse é o mesmo problema das revistas em quadrinho, querer mexer pra sempre em algo que deve ser deixado quieto. E quando digo algo que deve ser deixado quieto não me refiro ao universo de Star Wars, mas sim aos personagens principais da trama. Alguém aí engoliu aquele R2 voador de Clone Wars? Retcon não, Star Wars. Retcon não rola.

Leia mais em: ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

  • KamOn

    Acho que a Disney ainda esteja tentando meio que ”tranquilizar” os fãs de que eles sabem e tem capacidade de lidar com o material que tem nas mãos, por isso filmes como SW7 e R1 tem essa pegada com referências e tudo mais.
    Penso (e torço) que após essa trilogia sequel eles vão começar a efetivamente criar novas histórias e efetivamente explorar esse universo que é gigante.

    Eu entendo muito essas preocupações tuas, mas penso que essa quase ”sacralização”dos personagens também deve ser tratada com cuidado. Tem histórias sensacionais ae como na HQ do Vader e o (não-canon) Kenobi, que adicionam muito a personalidade e a caracterização dessa galera.

busca

confira

quem?

baconfrito