Heróis sem poderes

HQs sexta-feira, 14 de maio de 2010

Os poderes são a parte fantástica dos quadrinhos de super-heróis, e nem por isso só temos combatentes do crime que podem voar, transmutar matéria, se teleportar, ter visão de calor e outras tantas habilidades.
É isso ai mesmo, eu vou falar dos heróis sem poderes que nem por isso deixam de dar um cacete fuderoso nos bandidos.

Pra começar vamos falar de um herói que surgiu primeiro na literatura e depois nos quadrinhos, mas que fez grande sucesso em diversas mídias contando apenas com sua astúcia (E não to falando de Chapolin) pra combater as injustiças na Califórinia. Sim, estou falando do Zorro.

O alter-ego de Don Diego de La Vega foi criado em 1919, pelo escritor norte-americano Johnston McCulley, mas rapidamente se tornou um personagem da cultura pop. O Zorro sempre buscou defender os fracos e oprimidos da Califórnia, usando sua inteligência e habilidade em esgrima, enquanto em sua identidade secreta Don Diego não passava de um aristocrata covarde.

No Brasil, graças as “excelentes” traduções tupiniquins, tivemos dois Zorros distintos. Um era o herói de capa e espada, o outro era um cowboy, o Cavaleiro Solitário (The Lone Ranger, no original). Esse outro Zorro também não tinha poderes especiais, mas também combatia as injustiças ao lado de seu parceiro, o índio Tonto. Ambos os Zorros fizeram sucesso aqui nas décadas de 60, tanto na TV (Com os seriados), quanto nos quadrinhos, publicados pela Ebal. Hoje, ambos os personagens ressurgiram nos quadrinhos lá fora pela Editora Dynimite.

 Os dois personagens conhecidos como Zorro aqui no Brasil

Também poderiam ser citados aqui todos (Ou pelo menos a maioria) dos heróis do velho oeste, pois os mesmos geralmente possuem um grande senso de justiça, uma apurada mira e chumbo quente nas armas.

E por falar em arma, um dos heróis sem poderes (Pelo menos até cagarem com o personagem) mais armado dos quadrinhos a ser criado até hoje foi, sem dúvidas, Frank Castle, o Justiceiro da Marvel. Castle usa e abusa do seu conhecimento militar para acabar com mafiosos, bandidos, super-vilões e criminosos em geral para vingar o massacre de sua família.

 Esse entende de armas

Apesar de ser considerado mais um anti-herói do que um herói propriamente dito, o Justiceiro faz aquilo que a maioria das pessoas sentem vontade de fazer com os criminosos: Executá-los.

É uma pena que, ao longo dos anos, os roteiristas avacalharam com o personagem, transformando em “Anjo” por uma época (Que graças a Deus foi esquecida) e agora mais recentemente, Frank Castle na sua fase atual lá nos EUA acabou se transformando numa espécie de Frankenstein. Mas a fase escrita por Gart Ennis é fabulosa.

Ainda da Marvel, podemos citar o recente Kick Ass (Que até vai ganhar versão cinematográfica). A história gira em torno de Dave Lizewski, um estudante viciado por quadrinhos, até que acaba decidindo se tornar um herói e combater o crime. É claro que ele descobre que isso não é tão fácil quanto parece. A Panini afirmou que ia lançar um encadernado no Brasil, mas como a distribuição aqui onde eu moro é um lixo, não sei se saiu, porque aqui pelo menos não apareceu.

 Não é tão fácil quanto parece

Agora, sem dúvida alguma, a história com o maior numero de personagens sem poderes por quadrinho é a obra prima de Alan Moore: Watchman. Na história, que mudou o conceito dos quadrinhos, somente Dr. Manhattan tem poderes, o restante não passam de homens (E mulheres) comuns bons de brigas.

 Precisa dizer mais alguma coisa?

E de todos esses, podemos destacar Rorschach, que não passa de um sociopata com uma moral própria e única no combate ao mal, sempre desconfiando de tudo e de todos. Mesmo porque ele foi baseado em Vic Sage, o Questão, personagem inicialmente da Charlton Comics e depois agregado ao Universo DC.

Questão também não tem poderes, mas tem uma forte visão para teorias conspiratórias e principalmente combater a corrupção. Na sua luta como combatente do crime, Questão se vale de habilidades de luta corpo-a-corpo.

 Um dos melhores personagens já criados, na minha opinião

Outro personagem da Charlton que foi parar na DC fazendo sucesso foi Ted Kord, o segundo Besouro Azul. Ted não possuía nenhum poder e valia-se de suas invenções para combater o crime.

 Mais do que herói, um inventor

Mas, certamente o herói sem poder mais conhecido e fodão do universo quadrinístico é Bruce Wayne, o Batman! Para combater o crime, o Batman utiliza-se de sua aguçada inteligência, equipamentos tecnológicos pra lá de avançados, além do conhecimento de um vasto numero de artes marciais.

 Esse é realmente o maior dos heróis sem poderes já criado

Além disso, o morcegão é um baita estrategista, tendo sempre um plano para tudo quanto é tipo problema. E isso inclui até mesmo o caso de seus parceiros poderosos de combate ao crime irem para “o lado negro da força”, apesar que esses planos de contingência contra seus aliados geralmente causem grandes danos, como foi visto no arco Torre de Babel, em Liga da Justiça e os OMACs do irmão-olho, em Projeto Omac e Crise Infinita.

É claro que há diversos outros heróis sem poderes como Shang-Chi, Arqueiro Verde, a “família morcego”, e tantos outros, mas fiquemos só com esses…
…Ao menos por enquanto.
E você o que acha dos heróis humanos?

Leia mais em: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

  • Bruno

    Vale lembrar que Batman é meio que uma cópia americanizada do Zorro xD

  • Koi

    Porra mano, e o Tex, cara?

  • http://baconfrito.com/ secolo

    @ bruno
    Concordo contigo nesse quisito, na verdade boa parte dos heróis sem poderes são meio que baseados no zorro

    @Koi
    Quem disse que eu esqueci do Tex? Falei dele no artigo abaixo^^
    http://baconfrito.com/nem-so-de-americanos-vivem-as-hqs.html

  • André

    Tecnicamente o Iron Man não tem poderes, certo?

    Nunca me interessei muito pelo personagem, mas…

  • http://shamankingbr.com Rafael

    Meu herói preferido é o Arqueiro Verde. Acho muito foda isso de lutar sem os poderes, contraste total com o Superman que até “superventriloquismo” (WTF) tem.

    Aliás, parece que a nova fase do Arqueiro vai ser muito foda.

  • http://baconfrito.com/ secolo

    @ André tecnicamente o Homem de Ferro não tem poderes, mas não dá pra considerar ele muito como um heróis sem poderes já que (a menos é claro que já tenham mudado fato) ele possui nanitas em seu sangue, o que meio que o deixa de fora da normalidade.

    @Rafael
    Também adoro o arqueiro verde, e tenho acompanhado a fase dele que tem saido atualmente nos EUA e sinceramente tá foda, lembra até a época dos “Caçadores”

  • Victor

    @secolo
    Ele perdeu o extremis depois da invasão dos skrull, no arco da Invasão Secreta, logo antes do Reinado Sombrio

  • mandinha

    meu preferido é o questão,e a caçadora…
    podiam estar no smallville…

  • Ariely

    isso é ótimo me ajudou muitoo na escola e tireii nota 10 óóóóóó esse site é muitoo bom

  • Ariely

    rsrs verdade mesmo concordo com vc!!

  • Julliano

    Boa lista. Mas faltaram mais personagens de fora do universo DC/Marvel.
    Um personagem totalmente clássico – acho que o primeiro herói
    uniformizado dos quadrinhos – e que ficou de fora foi o Fantasma! Sem
    falar de Tarzan, Conan, Flash Gordon, Mandrake, Spirit, Dick Trace, etc e etc…

busca

confira

Trutas
  • Ahnão
  • Bobolhando
  • Corvo
  • Di Vasca
  • Estranho Sem Nome
  • Facada no Fígado
  • Fail Wars
  • Gamer Sith
  • Lógica Feminina
  • Manolagem
  • MauoÊ
  • O Macho Alpha
  • Petit Cookie
  • Que Diabos?
  • Sake Com Sal
  • Uarevaa

quem?

baconfrito