Estreias da Semana – 30/06/2016

Cinema quinta-feira, 30 de junho de 2016

Procurando Dory (Finding Dory)
Com: Ellen DeGeneres, Albert Brooks, Idris Elba, Kaitlin Olson, Ed O’Neill, Eugene Levy, Diane Keaton e Ty Burrell
Na continuação do filme mais esperado da semana faz uns treze anos, Dory vai voltar em busca de seu passado, com a ajuda de Nemo e Marlin. Ao ter uma breve lembrança de sua família, ela vai fazer o que estiver ao seu alcance para revê-los, e no caminho vai encontrar amigos do passado e mãos humanas cheias de dedos.
E o pior é que, mesmo sendo um filme pra criança, vai estar cheio de marmanjo falando que esperou a vida toda por isso. Cês são patéticos.

Porta dos Fundos – Contrato Vitalício
Com: Gregório Duvivier, Fábio Porchat, Antonio Tabet, João Vicente de Castro, Luis Lobianco, Thati Lopes, Marcos Veras e Júlia Rabello
Amigos de fazeção [?] de filme, Miguel e Rodrigo ganham um prêmio em um festival internacional, o que ocasiona bebedeira e más escolhas. Como por exemplo um guardanapo assinado por Rodrigo, dizendo que ele estaria em todos os filmes de Miguel dali em diante. Só que, quando Miguel some, Rodrigo vira um ator consagrado, e quando Miguel retorna, 10 anos depois, com uma câmera na mão e uma ideia na cabeça, pode ser que ele queira rever esse contrato vitalício.
A ideia até que é boa, tem que ver se é bem executada, ou se os caras só fizeram várias esquetes num espaço de uma hora e meia. Ou o que seria pior, uma esquete de uma hora e meia.

A Morte de J.P. Cuenca
Com: João Paulo Cuenca, Ana Flavia Cavalcanti e Leonilce Torato
Encontrado morto em um edifício no centro do Rio de Janeiro por volta de 2008, temos aqui a história de um anônimo que utilizou da identidade de um escritor para morrer.
Baseado em fatos reais, o que geralmente quer dizer que um acontecimento foi distorcido o suficiente pra virar uma história minimamente interessante pro cinema.

Leia mais em: , , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

  • Loney

    “Feitura” PORRA

  • Luiz Carlos Santos

    Cinema hoje é pega-trouxa. Puta que pariu. Star Wars conta a mesma bosta de história com personagens diferentes, Rocky Balboa a mesa história do primeiro filme com personagens diferentes, e esse procurando Dory, que lixo. Um filme infantil chato de anos atrás, aí pegam a personagem mais tagarela, e insuportável e fazem um filme sobre ela… Mas fazer o que se tem otário que paga para ver lixo ?

busca

confira

quem?

baconfrito