Estreias da Semana – 28/07/2016

Cinema quinta-feira, 28 de julho de 2016

Jason Bourne
Com: Matt Damon, Alicia Vikander, Julia Stiles, Tommy Lee Jones, Vincent Cassel, Riz Ahmed, Ato Essandoh, Neve Gachev, Stephen Kunken e Sarah Armstrong
Depois de quatro filmes, Jason Bourne ainda não sabe quem é, o que faz, quem lhe treinou, qual a cor de sua cueca ou se tem bruxove.
A verdade é que ninguém se deu ao trabalho de assistir o filme e fazer uma sinopse razoável, e eu não serei o primeiro.

Os Caça-Noivas (Mike and Dave Need Wedding Dates)
Com: Anna Kendrick, Zac Efron, Aubrey Plaza, Adam DeVine, Stephen Root, Sugar Lyn Beard, Wendy Williams e Branscombe Richmond
Mike e Dave, como são da “zoeira”, jogam um anúncio online para conseguir um par pra cada um, pra não passarem por zé manés no casamento de sua irmã no Havaí. Achando que vão se dar bem, acabam ficando de fora da festa ao serem enganados pelas duas moças, numa trama digna de Boça.
Pô, meo, puta mundo injusto, meo!

O Bom Gigante Amigo (The BFG)
Com: Rebecca Hall, Mark Rylance, Jemaine Clement, Bill Hader e Penelope Wilton
Sofia acorda e dá de cara com um ser humano bem alto. Só que esses caras tem uma regra: Cê viu um gigante? Virou prisioneiro. Então, o gigante que ela viu carrega a pentelha pra Terra dos Gigantes, onde ela conhece uma porrada de gigantes babacas. Mas com a ajuda do Bom Gigante Amigo e da rainha da Inglaterra, Sofia bola um plano pra encarar os gigantes malvadões.
Fazia tempo que eu não via uma sinopse e pensava: O que caralhos eu estou lendo? Pois bem, essa é uma delas.

O Diabo Mora Aqui
Com: Ivo Müller, Mariana Cortines, Pedro Carvalho, Sidney Santiago, Clara Verdier, Diego Goullart, Felipe Frazão e Pedro Caetano
Pra investigar uma suposta maldição da época em que escravidão era aceitável no Brasil, quatro amigos passam um fim de semana num casarão do século passado [Ou retrasado, foda-se]. Mas ao passearem pelo porão, eles acabam libertando um espírito maligrino que havia sido condenado à uma eternidade de dor e sofrimento, o que faz com que esses jovens tenham de enfrentar [Provavelmente só na própria imaginação] seus piores pesadelos.
Olha, se não for o Toninho do Diabo, esse é o maior desperdício de filme nacional de todos os tempos.

O Monstro de Mil Cabeças (Un Monstruo de Mil Cabezas)
Com: Jana Raluy, Sebastian Aguirre Boëda, Hugo Albores, Daniel Giménez-Cacho, Emilio Echevarria, Noé Hernandez, Veronica Falcon, Marco Antonio Aguirre, Harold Torres, Marisol Centeno e Úrsula Pruneda
Tentando garantir ao seu marido doente o tratamento necessário, uma mulher tem de tomar medidas drásticas diante de corrupção e má vontade das empresas de seguro e/ou convênios médicos, de forma a garantir seus direitos.
Esse é um nome que leva a conclusões totalmente errôneas. Eu esperava uma fantasia medieval ou algo parecido.

A Incrível Jornada de Jacqueline (La Vache)
Com: Lambert Wilson, Fatsah Bouyahmed, Fehd Benchemsi, Jamel Debbouze, Abdellah Chakiri, Amal El Atrache, Anne-Sophie Lapix, Brigitte Guedj, Catherine Davenier, Christian Ameri, Cyril Hanouna, Denis Leroy, François Bureloup, Malik Bentalha, Miloud Khetib, Norbert Haberlick, Ophélia Kolb, Pierre Diot, Vincent Chaumont e Yvonne Gradelet
Fatah é um fazendeiro, dono da vaca Jacqueline, jóia da sua coroa. Ao receber um convite para participar de uma feira agropecuária em Paris, Fatah e Jacqueline saem da cidadezinha onde vivem e vão, a pé, rumo à feira. Pelo caminho, encontram um e outro problema, mas nada que os impeça de prosseguir, ou mesmo ficarem famosos aparecerem na TV.
Sem fazer piada com as suas amigas, hein amiguinho.

De Longe Te Observo (Desde Allá)
Com: Alfredo Castro, Catherina Cardozo, Luis Silva, Alí Rondón, Armando Volcanes, Auffer Camacho, Ernesto Campos, Geralt Jiménez, Greymer Acosta, Ivan Peña, Jericó Montilla, Jesús Las Rosas, Joretsis Ibarra, Jorge Luis Bosque, Leovigildo Álvarez, Marcos Moreno, Oswaldo Chacha, Scarlett Jaimes e Yeimar Peralta
Homem de 50 anos que não consegue lidar com os problemas do passado, Armando também é gay. Ele anda pelas ruas de Caracas, oferecendo dinheiro pra jovens posarem pelados pra ele, enquanto ele se masturba. Até o dia em que ele faz isso com Elder, líder de gangue e maloqueiro. Que aceita o convite, mas dá uma piaba no tio e rouba a grana dele. O que dá início à um relacionamento que vai mudar a vida de ambos para sempre.
Todo personagem de filme tem a vida mudada pra sempre pelos eventos retratados, é lindo. E eu acho bacana como, mesmo numa crise fudida [Ou talvez por conta dela], o povo da Venezuela ainda consiga fazer filme.

Nahid – Amor e Liberdade (Nahid)
Com: Sareh Bayat, Pejman Bazeghi, Milad HosseinPour, Nasrin Babaei, Navid Mohammadzadeh e Pouria Rahimi
Nahid é iraniana, e acabou se divorciando do marido. A guarda de seu filho de 10 anos, no Irã, iria automaticamente para o pai, mas ele deixou Nahid ficar com o pirralho, se ela cumprisse uma simples condição: Não poderia se casar novamente. A treta é que, obviamente, ela acaba se apaixonando de novo.
Eu ia falar que é só ela não se casar, só morar junto ou seja lá o que for, mas ai eu lembrei que é o Irã e vai dar merda.

Miller & Fried – As Origens do País do Futebol
A história do futebol no país do futebol, em um documentário sobre como o esporte criado por Charles Miller e Arthur Friedenrich, que também o trouxeram para as terras tupiniquins, se tornou o mais popular, extrapolando as quatro linhas para afetar a vida do brasileiro.
Não que quem more nesse país precise de um documentário pra ver como o futebol enche o saco está profundamente enraizado na cultura nacional.

Leia mais em: , , , , , , , , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

busca

confira

quem?

baconfrito