Bacomentando #02 – Novo Daryl, Friendzone, Motoqueiro Fantasma & Mais

Televisão terça-feira, 08 de novembro de 2016

Supernatural – 12×04 – American Nightmare (Pesadelo Americano)

Os irmãos estão sozinhos novamente e precisam investigar um caso onde pessoas estão morrendo com as mesmas marcas de Cristo. Apesar de parecer mais um episódio encheção de linguiça sobre o egoísmo de Dean Winchester, que está agindo como uma garotinha de 13 anos por não saber como lidar com o abandono da Mamãe Winchester, que por sua vez não está sabendo como lidar com esse novo mundo e com os filhos que foram criados como caçadores, o episódio começa com uma recaptulação de episódios lá da segunda temporada o que reforça que essa temporada quer voltar mesmo às origens de Supernatural e termina dando um rosto a Mr. Ketch, o agente dos Homens das Letras britânicos contratado pra vigiar os Irmãos, e que é mau igual um Pica-Pau.

Agents of S.H.I.E.L.D. – 4 x 06 – The Good Samaritan (O Bom Samaritano)

Origem do Motorista Fantasma. Nada mais do que aconteceu nesse episódio realmente importa. A cena do acidente de carro que matou Robbie Reyes e dexou seu irmão paraplégico é uma puta duma cena foda, principalmente pra uma série de TV. Mas efeitos especiais não importam aqui, o que importa é a introdução do Motoqueiro Fantasma nesse universo compartilhado da Marvel.

Sim, é o próprio Motoqueiro Fantasma que faz a oferta à Robbie Reyes, que morto e com peso na consciência por ter arrastado seu irmão pra treta, aceita. Resta saber se o Motoqueiro Fantasma continua como Motoqueiro Fantasma ou se passou o seu espírito da vingança pro Robbie e se livrou da maldição. Tem uma puta duma placa em neon piscando spin-off lá no horizonte.

PS: Odeio quando o episódio termina sem um “Retornamos em 1 minuto”!

Gotham – 3 x 07 – The Red Queen (A Rainha Vermelha)

Apesar do Chapeleiro Louco continuar tocando o terror e despedaçando a vida do Gordon, o que tá pegando mesmo em Gotham é o amor. Sim, meus amigos, o amor está no ar de Gotham City. Além do jovem Bruce Wayne cozinhando para Selina Kyle, tivemos um Pinguim indiretamente friendzoneado pelo Charada, que encontrou um amorzinho novo e tá todo pimpão. O problema é que o Pinguim é um vilão e vilões, diferentemente de você, não aceitam muito bem a friendzone.

A viagem pela mente quebrada de James Gordon foi interessante e serviu pra nos apresentar os grandes vilões da temporada e levantar uma enorme dúvida: Por que diabos o sujeito da Côrte das Corujas usa um anel igual ao que o pai do Gordon deixou pra ele?

Flash – 3×05 – Monster (Monstro)

Perderam a hora de dar um adeus à Harrison Wells. Eu gosto do ator, gosto do personagem, gostava mesmo quando ele era o Flash Reverso, mas vão ficar mudando o cara toda vez que o ator não quiser mais interpretar o mesmo papel? Além desse Harrison Wells ser desnecessário, mesmo com um “mistério” sendo levantado em torno dele, ele é completamente irritante. Cisco e Caitlin são suficientes pra equipe Flash, tragam o Harry de vez em quando e pronto, tá todo mundo feliz. Não é viúvisse de personagem, mas acho que esse lance de substituir o Harry por outra versão do Multiverso foi uma das piores ideias que Flash já teve.

E se o novo Harrison Wells já não fosse ruim o suficiente, os caras vão insistir no lance da Nevasca, que além de ser uma péssima ideia, tem uma péssima caracterização. A não ser que transformem ela em uma vilã (E sim, eu sei que ela é uma vilã), não tem espaço pra mais gente com poderes na equipe do Flash. Já acho um desperdício os poderes do Cisco terem aparecido tão cedo, vão enfiar a Nevasca aonde? No Legends of Tomorrow?

E CW, vamo parar de querer botar a mãozinha onde o chapéuzinho não alcança. Vocês não conseguiram nem fazer um Hulk sem cor em Legends of Tomorrow, vão querer fazer um monstro gigante em Flash? Seje menas, amiguinha.

PS: Se o Malfoy não for o Alquimia, certeza que ele vira o Godspeed um dia.

Legends of Tomorrow – 2×04 – Abominations (Abominações)

Racismo e zumbis durante a guerra civil americana. Não tem muito como errar com essas três coisas. Quer dizer, dependendo do ponto de vista tem sim. Já faz um tempo que Legends of Tomorrow vem sendo a melhor série de super heróis da CW e mesmo com episódios como esse, que acrescentam pouco ao desenvolvimento do plot principal ou do crossover, a série ainda consegue ser superior às outras séries da emissora.

The Walking Dead – 7×03 – The Cell (A Cela)

Até mesmo os maiores fãs do Daryl precisam admitir que o Dwight é um personagem muito melhor que ele. Sem falar que o Dwight já tem a arma, já tem a roupa, já tem a moto, ele é um Daryl muito superior e com uma boa história pra continuar na série. Mais alguém lembrou do Desmond e da escotilha de Lost toda vez que a musiquinha começava a tocar? Não? Eu preciso trabalhar mais no meu desapego à Lost. Desculpa.

Achei meio forçado o lance da galera se ajoelhar toda vez que o Negan passa. Esperava isso do Ezekiel, não do Negan. Enfim, cês notaram a diferença física entre o Negan do primeiro episódio e o Negan do terceiro episódio? Ele tava mais velho, mais mirrado, mais careca… Que que tá acontecendo seu Jeffrey Dean Morgan?

Leia mais em: , , , , , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

busca

confira

quem?

baconfrito